Entenda quem são os profissionais na sala de parto

4
Compartilhe!
Parturiente no chuveiro durante as contrações (Foto: Coletivo Buriti por Lela Beltrão)

Parturiente no chuveiro durante as contrações (Foto: Coletivo Buriti por Lela Beltrão)

Ainda há muitas dúvidas de qual é a função de cada profissional durante o parto. Doula, obstetra, pediatra, obstetriz, acompanhante. Enfim, são muitas pessoas envolvidas e há várias maneiras de montar a sua equipe, principalmente, para quem busca ter um parto humanizado dentro ou fora do ambiente hospitalar.

Quem tem seu bebê na maternidade com médico do convênio normalmente conta com um atendimento padrão: há o obstetra pago pelo plano, o pediatra neonatologista que está de plantão e as enfermeiras do hospital. A mulher pode ou não levar uma doula e ainda um  acompanhante, que pode ser o pai da criança ou outra pessoa de sua escolha.

Já quem opta em montar sua equipe com profissionais humanizados pode escolher se quer ter seu bebê com uma obstetriz, como uma enfermeira obstetra ou com o médico obstetra. Entenda um pouco mais quem são os profissionais e o que cada um deles faz:

DOULA
São mulheres contratadas pela gestante que dão apoio físico e emocional para a parturiente. Elas não fazem nenhum procedimento técnico, ou seja, não fazem exame de toque nem fazem a ausculta (ouvir os batimentos cardíacos) do bebê. Estão lá para fazer massagens, auxiliar a melhor posição para parir, enfim, cuidam do bem-estar da mulher que está parindo. Leia mais sobre o trabalho da doula clicando aqui.

ENFERMEIRAS OBSTETRAS
São enfermeiras com especialização em atender gestantes durante o pré-natal e partos. Elas podem atender partos normais, mas não podem realizar cesáreas. O mesmo vale para as obstetrizes (veja mais abaixo). Elas podem atender partos domiciliares e hospitalares de baixo risco. Se houver alguma intercorrência, o médico obstetra é acionado.

OBSTETRIZES
A USP (Universidade de São Paulo) Leste é a única faculdade no Brasil que oferece essa formação. A função das obstetrizes é similar com a da enfermeira obstetra. Elas são responsáveis pelos partos de baixo risco, que podem ser tanto domiciliares como em hospitais ou casas de parto. Leia mais sobre as obstetrizes clicando aqui.

PARTEIRAS
As parteiras tradicionais normalmente atendem mulheres em regiões carentes onde o acesso ao hospital é difícil, principalmente nas regiões Norte e Nordeste do país.  São mulheres que aprenderam a acompanhar partos na prática auxiliando, por exemplo, parteiras mais experientes.

MÉDICO NEONATOLOGISTA
Os pediatras que se especializam em neonatologia atendem os bebês assim que eles nascem. Eles são os responsáveis em avaliar o recém-nascido, fazer os primeiros exames, medir, pesar e, quando necessário, aspirar o bebê. Os neonatologistas geralmente são funcionários da maternidade, mas a gestante pode levar um de sua escolha se preferir justamente para evitar exames desnecessários. Saiba mais sobre os cuidados que o bebê precisa ao nascer. No caso dos partos domiciliares, nem sempre esse profissional é contratado.

MÉDICO OBSTETRA
É o profissional que atende a maioria dos partos, principalmente, no Brasil. O médico faz especialização em ginecologia e obstetrícia e pode atender partos domiciliares e em hospitais. Eles atuam tanto em partos normais como em cesáreas e cuidam da gestante durante todo o pré-natal. No caso do parto normal, o médico chega apenas quando o trabalho de parto já está mais evoluído. Normalmente antes a mulher fica acompanhada pelas enfermeiras obstétricas. Na rede pública, a mulher só vai conhecer o médico no dia do parto pois eles atendem em esquema de plantão enquanto na rede particular o médico que faz o pré-natal é o mesmo que acompanha o parto.

ANESTESISTA
É o médico responsável em fazer analgesia peridural ou raquidiana tanto no parto normal como na cesárea. Como a grande maioria dos nascimentos no Brasil ocorre por meio de cesáreas, esse profissional sempre está na sala de parto. Ele pode ser tanto da equipe do médico obstetra como ser plantonista do próprio hospital.

ACOMPANHANTE
A gestante pode escolher uma pessoa de sua preferência para estar ao seu lado no parto. O acompanhante não tira o lugar da doula nem a doula tira o lugar do acompanhante, que é previsto em lei. Normalmente a pessoa escolhida é o pai da criança, mas ele pode ser substituído por outra pessoa se esse for o desejo da parturiente.

ENFERMEIRAS E AUXILIARES DE ENFERMAGEM
Profissionais que atuam em partos hospitalares e estão lá para  auxiliar os médicos. Elas não atendem partos.

4 Comentários

  1. Celio Costa de Carvalho em

    PARABÉNS PELA MATÉRIA GOSTARIA DE SABER ESTÁ MATÉRIA.

    UM FORTE ABRAÇO

    CÉLIO COSTA DE CARVALHO
    ASSESSOR DE GESTÃO PÚBLICA
    MAMANGUAPE-PB

  2. MARIA DO CARMO COSTA BOCCIA em

    Gostei muito da matéria E sou massoterapeuta E doula. Gostaria de informações de hospitais que contratam doulas. Amo essa profissão.

Deixe aqui o seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.