Veja os índices de cesáreas das principais maternidades de São Paulo em 2017

0
Santa Joana e Pró-Matre lideram número de cesáreas em SP (Foto: Carolina Zia Fotografia)

Santa Joana e Pró-Matre lideram número de cesáreas em SP (Foto: Carolina Zia Fotografia)

As maternidades Santa Joana e Pró-Matre continuam sendo as maternidades onde ocorrem mais nascimentos na capital, segundo dados do Sinasc (Sistema de Informações de Nascidos Vivos) referente ao ano de 2017. As duas unidades tiveram 15.998 e 11.949 nascimentos, respectivamente no ano passado. As maternidades seguem também líderes quando o assunto é a quantidade de cesáreas.

Segundo o levantamento que o Mães de Peito teve acesso, 88,6% dos nascimentos na Santa Joana foram por meio de cesáreas enquanto na Pró-Matre o índice foi de 87%. Os índices, no entanto, apresentaram uma leve melhora em relação ao ano de 2016 quando foram, respectivamente, 89% e 87,7% de cesáreas. Leia reportagem com os dados de 2016 clicando aqui.

Os dados mostram ainda que o índice das outras maternidades particulares, como São Luiz, Einstein, Sepaco fica, ficam com taxa de cesáreas acima de 73%. Vale ressaltar que a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que apenas 15% dos nascimentos sejam feitos por meio da cirurgia.

Artes Mães de Peito (4)

MATERNIDADES PÚBLICAS

O levantamento mostra que o  Hospital Vila Nova Cachoeirinha foi o público com mais nascimentos em 2017: foram 12.155 sendo 32,3% deles foram  por meio de cesáreas. Já no hospital Leonor Mendes de Barros 40,9% nos nascimentos foram feitos por meio da cirurgia. No Amparo Maternal a taxa de cirurgia ficou em  27,9%.

As casas de parto, que atendem pelo SUS, tem 100% de parto normal porque não realizam cesáreas nas unidades. Ao todo, aconteceram 166 partos na Casa de Parto de Sapopemba e 311 na Casa Angela no ano passado. Leia mais: Quem pode parir nas casas de parto.

Artes Mães de Peito (3)

Compartilhe!

Deixe aqui o seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.