SP já conta com três coworkings maternos; saiba como trabalhar perto dos filhos

5

 

Local onde as crianças ficam na Casa do Viver (Foto: Dorival Moreira)

Os coworkings maternos têm ganhado cada vez mais espaço entre os pais que trabalham em casa e não querem ficar longe dos filhos. Mas, o que difere esses locais das creches convencionais? O primeiro de tudo é que, apesar de existirem cuidadores nesses espaços, os pais estão na sala ao lado, ou seja, sempre por perto.

Outra vantagem  em relação às creches é que, por estar no mesmo local, a amamentação é facilitada. No caso das crianças que já comem, a alimentação é levada pelos pais ao local e são eles que oferecem as refeições ou os lanchinhos mantendo a rotina e os hábitos alimentares de casa.

Em São Paulo, já são três locais que permitem trabalhar com as crias e ainda ter a oportunidade de ampliar o seu networking. O primeiro espaço de São Paulo foi construído em fevereiro de 2015 na zona sul de São Paulo. A ideia foi da tradutora Carina de Souza Lucindo Borrego e da psicóloga Fernanda Santiago Torres, que queriam trabalhar perto dos filhos. Neste período, o negócio cresceu e foi preciso ir para uma casa maior. Atualmente são 12 mães e dois pais que frequentam o local com seus filhos.

“Atendemos bebês a partir do sexto mês de vida até 3 anos e 11 meses. Já as crianças maiores – até os oito anos – também frequentam atividades específicas que acontecem no contra turno escolar”, explica Carina. “Diariamente temos dez crianças e três cuidadoras. Se aumenta a demanda, ampliamos também o número de funcionárias”, relata.

Elisa diz que, durante as férias escolares, o movimento é ainda maior pois muitos pais que trabalham em casa procuram o espaço para conciliar os cuidados com os filhos e o trabalho. Por isso, são feitas atividades específicas para crianças maiores. “Eles gostam e se divertem bastante, mesmo porque temos diversas atividades programadas pelo nosso educador físico que atendem bem a demanda dessa faixa etária”, relata Eliana.

Espaço do coworking na Casa de Viver (Foto: Dorival Moreira)

Elisa conta que após ser mãe sentiu dificuldade em voltar ao mercado de trabalho pois não imaginava ficar 12 horas longe da filha. “Conversando com outras mães, percebemos que essa era uma angústia e uma dificuldade comum de várias mães. Então, decidimos – eu e minha irmã – criar o espaço para poder acompanhar o crescimento dos filhos e ser producentes no trabalho ao mesmo tempo”, relata.

Já a Casinha Co.Labore foi criada em março deste ano para atender uma demanda das próprias famílias do projeto Ori Mirim, uma escola de educação ativa feita com participação dos pais no pensamento pedagógico e na prática com as crianças.

O espaço atende pais e mães do projeto e também qualquer pessoa interessada em usar o local para reuniões, atendimentos ou trabalho diário.  O coworking foi feito para os pais que preferem não gastar tempo com deslocamento, levando seu filho ao projeto e ficando no espaço de trabalho durante o tempo que a criança fica no Ori.  “Aqui a  lógica foi invertida: em vez de criar um espaço para pais adaptado às crianças, criou-se um projeto de educação infantil que, posteriormente, adaptou um espaço para a presença e trabalho dos pais e/ou outros adultos interessados”, explica a designer Camila Cristina Conti, que tem o filho no Ori Mirim, que recebe crianças de um ano e meio até quatro anos.

Camila comenta que existe um projeto de expansão de faixa etária para as crianças. O projeto atende atualmente 16 crianças em seu espaço e são cuidadas por três educadores.

CASA DE VIVER
Endereço:  Rua Doutor Tirso Martins, 280,  Vila Mariana (próximo ao metrô Santa Cruz).
Horário de funcionamento: de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h. Contato: (11) 2613-3941.

CASA LAÇO
Endereço:  Rua Capitão Rabelo, 555, Jardim São Paulo (próximo ao metrô Jardim São Paulo)
Horário de funcionamento: de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h. Contato: (11) 2283-2203.

CASINHA CO.LABORE
Endereço: de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h
Horário de funcionamento: Rua Felix Della Rosa, 282,  Vila Anglo (próximo ao metrô Vila Madalena). Contato: (11) 9-9250-1819 com Camila.

Espaço para os bebês na Casa Laço (Foto: Divulgação)

Espaço para os bebês na Casa Laço (Foto: Divulgação)

Compartilhe!

5 Comentários

  1. Pingback: Incentive uma mãe empreendedora! – Devaneios Maternos

Deixe aqui o seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.