VBAC: o que é e quem pode ter um parto normal após cesárea

13
Mãe com bebê no colo logo após conseguir seu VBAC (Foto: Carolina Zia Fotografia)

Mãe com bebê no colo logo após conseguir seu VBAC (Foto: Carolina Zia Fotografia)

Muitos médicos ainda repetem a frase: “uma vez cesárea, sempre cesárea”. No entanto, a mulher que foi submetida a uma ou mais cesáreas, pode sim ter um parto normal na próxima gestação se esse for seu desejo.

A chamada VBAC (sigla para Vaginal Birth After Cesarean ou parto vaginal após cesárea) é a opção mais segura para a mulher – e para o bebê – após a cirurgia. “O risco de ruptura uterina é de 0,1 a 0,6% ao tentar um parto normal após cesárea, ou seja, o risco é muito baixo disso vir acontecer. Fora que os riscos de uma nova cirurgia são maiores”, comenta o médico obstetra Bráulio Zorzella. A própria OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda o parto normal após cesárea.

Bráulio explica que a cesárea foi uma cirurgia desenvolvida tecnicamente no final do século 19 e que no começo do século 20 foi incorporada nos serviços obstétricos justamente para salvar bebês. No Brasil, a primeira cesárea foi realizada em 1917. “Inventaram a cesárea para salvar bebês que não tinham passagem na hora do parto ou falta de oxigênio intrauterino, que fazia os bebês nascerem mal, com sequelas ou que vinham a óbito”, comenta o médico. O médico ressalta que também são indicações reais de cesárea herpes ativa vaginal e HIV sem controle.

LEIA MAIS: Quais as reais indicações de cesáreas

O obstetra comenta que a cesárea foi se difundindo e, na década de 70, 14% dos nascimentos já era feito por meio da cirurgia. “Quando inventaram a cesárea, não sabiam as complicações que poderia haver de um parto normal após cesárea. Então, prevaleceu o discurso de ‘uma vez cesárea, sempre cesárea’, que reflete até os dias de hoje apesar de trabalhos científicos mostrarem que há mais risco de ir direto para uma cesárea eletiva do que esperar a mulher entrar em trabalho de parto e tentar um parto normal”, comenta.

O médico comenta que quanto mais cesárea a mulher tiver, maior são os riscos de ruptura uterina. Uma das pacientes do obstetra, conforme mostrado no Mães de Peito, teve recentemente um parto normal após quatro cesáreas. Leia mais sobre o caso clicando aqui.

Bráulio explica que a recomendação é que o VBAC aconteça em ambiente hospitalar por conta do risco de ruptura uterina. Apesar de ser baixo esse tipo de problema, pode ser necessário a remoção imediata para uma maternidade caso a mãe esteja em casa. No entanto, muitas mulheres optam em ter seus bebês em casa, com enfermeiras obstetras e obstetrizes, justamente para fugir dos protocolos hospitalares e para não serem submetidas a outra cesárea que, muitas vezes, são sem real indicação.

Compartilhe!

13 Comentários

  1. Olá,tenho 25 anos. Tenho uma cesária recente de 1 a 3meses ( bebê sentado e sem líquido amniótico), porém sonho com o parto normal. Todos os médicos que passeia,me passaram a informação que é arriscado ter o parto normal pela questão da ruptura uterina é que provavelmente não entrarei em trabalho de parto. E estou com 40 smn e não sei o que fazer. Posso ter o parto normal com a cesária recente? Posso esperar pelos sinais de trabalho de parto?

    • Estou na mesma, engravidei novamente e meu bebê tem só nove meses, também passei por uma cesaria por não ter entrado em trabalho de parto, provavelmente será depois de um ano e tres, quatro meses o próximo parto, será que posso ter normal??

    • Olá moça eu tbm tive na mesma condição Ki vc ,meu BB tava sentado e não tinha likido aminiotico daí a cesária ,agora estou grávida de 18 semana ,e faz um ano e sete meses da cesária ,como foi seu parto ?

    • Com toda certeza pode parir e lindamente!!! Esse parto será a cura do seu útero!!! Se vc fizer outra cesárea, poderá ter uma ruptura uterina com muito mais facilidade, além de tudo, fazer uma cirurgia sem necessidade é com certeza desmerecer e desonrar a sua Natureza que Ama tanto Viver e acontecer!!! Pode ter seu Parto em paz e procura saber melhor essa coisa do líquido, pq os médicos muitas vezes deixam acontecer coisas ruins só pra te operarem!!! Se for o caso de sofrimento fetal – o que é muito raro demais- vc pode induzir e ter seu parto com muito rigor de ausculta e cuidado com a realidade sua e o do bebê!!!! E tem mais, se vc tivesse sem líquido, seu bebê teria ido à óbito! Pensa comigo: Como é que ele estaria se mantendo Vivo? Sendo que respira pelo cordão? Isso aí é balela pra te enganarem!! E como é cruel ser engana por outro ser humano!!! Que crime, que violência!!!! Não permita que te violentem mais!!! Se vc enfrentar essas violências, dará a eles a oportunidade de repensarem suas Vidas , pois vc terá plantado uma semente de Amor e de Verdade!!!! Seja Feliz, nova Mãe!!! Cure-se de tudo parindo suas dores!!!!!💖💖💖💖💖💖💖💖💖💖💖

  2. Olá, veja a história da @talitamaedosbe no instagram! Ela teve recentemente um parto natural pôs Cesária recente! O primeiro filho não tem 2 aninhos ainda.

  3. Olá tenho 33 anos fiz uma Cesária a 1 ano e 11 meses pq o coração do meu filho estava um pouco abaixo do normal ai tive q desisti do parto normal, bom cá estou eu novamente grávida de 9 semanas agora qr mais q nunca o parto normal será q eu posso passar por parto normal?

  4. Boa noite me chamo Daiane estou na sexta gestação:
    1 filho a 11 anos cesarea ( diz o medico que passou da hora e como eu era muito nova não entendia aceitei a cesarea)
    2 filho a 8 anos parto natural super tranquilo sem anestesia sem remedios nada somente meu corpo agindo.
    3 filho 5 anos parto natural tbm sem remedios anestesias porem o medico teve que virar a cabeça do bebe dentro de mim pois ela estava numa posição que dificultou o parto depois foi muito rápido qestão de 2 minutos ele nasceu, o unico problema minha placenta demorou um pouco para sair precisou de uma ajuda com massagens feitas pelo medico para poder sair mas depois disso tudo ótimo recuperação maravilhosa tbm
    4 filho 2 anos e meio aborto espontaneo com 7 semanas ( não precisei de intervenção, como curetagem nem remedios so mesmo para dor . meu corpo fez todo o trabalho).
    5 filho 1 ano e 9 meses cesarea ( passei por uma gravidez muito complicada psicologicamente ) porem fisicamente tranquila, mas por pressão da medica cesarea muito desastrosa anestesia não pegou direito a medica não parecia saber o que fazia recuperação horrivel.
    6 filho 33 semanas 4 dias de gravidez sinto dores nos cantos onde tive a cesarea e tipo uma queimação no lugar do corte porem tirando isso normal.
    Minha ultima cesarea foi muito traumatica, tenho medo de passar por isso novamente sera que posso me arriscar em um parto normal?

  5. Tenho uma cesárea de 9anos e outra de 4anos, na cesárea de 9 eu poderia ter normal porém ouve erro na maternidade onde dectaram através de uma utrassom que eu não tinha liquido, o que estava errado eu tinha bastante liquido segundo o médico que me operou, na minha segunda gestação tive problemas emocionais, separação, perdi um irmão então minha bolsa rompel antes da hora, agora estou na terceira e gostaria de saber se posso tentar o parto normal?

  6. Tive duas cessarias uma pq estava perdendo líquido e o outro nasceu com 9meses pq não tinha passagem tô grávida de novo mais estou com 34semanas minha barriga está baixa e possível o ter parto normal ele encaixou

Deixe aqui o seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.